16 de mar de 2013

Swansea 0-2 Arsenal: Gran victoria

Hoje fomos a gales enfrentar o time mais "espanhol" (por ser um time de melhor toque de bola da Premier League e também pela quantidade de espanhóis no elenco) da Premier League, o Swansea, sim o Swansea de Michu e Pablo Hernández a dupla espanhola que incomoda as defesas, o Swansea de Dyer (sósia do Lázaro Ramos), o Swanselona que alguns chamam hoje ficou com mais de 60% da posse, mas não criava chances, Fabianski praticamente só assistiu a partida como mero espectador, as melhores chances do primeiro tempo foram do Arsenal, com Oxlade-Chamberlain, mas as duas oportunidades de The Ox bateram no travessão.
O segundo tempo começou com o Arsenal melhor, mas não criava chances claras, Cazorla era o melhor do time e tentava, até que aos 32 ele não desistiu da jogada, foi levando e passou para Monreal que bateu cruzado e marcou seu primeiro gol pelo Arsenal, melhor era um gol importantissimo que botava o Arsenal em vantagem, numa jogada dos espanhóis do Arsenal. O Swansea não assustava e mesmo assim deixava buracos, assim o Arsenal aproveitou um contra-ataque e matou o jogo, num 2 contra 1, Ramsey passou para Gervinho que na saída do goleiro fechou o caixão do Swansea;
  • Wenger é criticado pela torcida por muitas razões, mas merece ser elogiado por barrar Szczesny e Vermaelen, o primeiro estava muito relaxado na meta e o segundo só estava jogando por nome.
  • Cazorla rende muito mais jogando centralizado do que na ponta esquerda, Wilshere deverá recuar para segundo volante quando voltar de lesão.
  • Walcott anda jogando muito abaixo das espectativas, não caberia um banco para o camisa 14?
  • Fabianski mais uma vez teve um clean-sheet ou uma partida sem levar gols, mas quando teve que sair do gol, saiu catando borboletas.
  • Monreal fez seu melhor pelo Arsenal, Gibbs aos poucos está voltando, mas por ter marcado, Monreal já ganhou pontos com Wenger e hoje é o titular.
Agora a Premier League vai dar uma pausa de duas semanas, para a disputa das eliminatórias para a Copa 2014, o Arsenal volta a campo contra o Reading dia 30 no Emirates, é obrigação nossa de vencer;

Nenhum comentário:

Postar um comentário