24 de ago de 2014

Everton 2-2 Arsenal: Com sabor de vitória

Ontem tivemos um dos testes mais difíceis da temporada. Em abril, levamos 3-0 deles, sem ver a cor da bola. E o primeiro tempo, parecia que seria a mesma coisa, apesar da primeira chance ter sido nossa, após uma entregada do Coleman, Ox chuta da entrada da área e a bola passa raspando a trave de Howard. Porém após um cruzamento de Barry, Coleman na segunda trave sobe livre e faz 1-0 Everton. Mirallas teve duas chances de ampliar, na primeira ele ganhou do Chambers e chutou pra fora e numa falta a bola passou perto do gol. Mas foi num contra-ataque que o Everton ampliou, Lukaku puxou o contra-ataque e passou pra Naismith ampliar, Naismith estava impedido na jogada, mas o bandeira não viu.
No intervalo, Wenger resolveu sacar o Alexis e colocar o Giroud em campo. No primeiro minuto Giroud perde uma chance, após cruzamento de Chamberlain, Giroud na pequena área pega de primeira e chuta por cima. Giroud perderia mais duas chances reais de gol. Aos 28, Wenger saca Wilshere e Ox e coloca Cazorla e Campbell, o time ganha outra cara e o efeito surge em 10 minutos, Özil toca pra Cazorla que faz uma bela jogada pela esquerda e cruza rasteiro pra Ramsey que diminui. Aos 45, Chambers dá um belo passe pra Ramsey que cruza da direita, mas com muita força, a bola vai parar no outro lado, Monreal acredita e pega a bola e cruza na cabeça de Giroud que empata em Goodison Park. E no ataque seguinte o Arsenal só não virou o jogo, porque o Cazorla chutou desequilibrado na mão do Howard. E ficou nisso.

  • Alexis ainda não conseguiu jogar bem com a camisa do Arsenal, apesar de ser muito cedo pra fazer qualquer análise.
  • Outro que não está bem é Wilshere, ao contrário de Ramsey, Wilshere regrediu após a lesão e não conseguiu ser mais o mesmo. É chato ver um menino que parecia ser tão promissor não conseguir jogar mais o que sabia jogar antes.
  • Quem mudou o jogo foi Santi Cazorla, entrou bem comandando o meio de campo e fazendo a jogada do primeiro gol, como joga bola esse baixinho espanhol.
  • Özil e Mertesacker voltaram a jogar, após as férias, Mertesacker fez um bom jogo e Özil foi bem regular, Wenger tem que voltar ao 4-2-3-1 e Özil tem que voltar a ser centralizado.
  • Podolski não foi relacionado e parece que ele está de saída. O agente dele quer tirá-lo do clube, já que o alemão é reserva do time.
Quarta ás 15h45 tem jogo decisivo pela UCL, contra o Besiktas no Emirates, uma simples vitória nos coloca na fase de grupos e dá uma boa grana pro nosso caixa. É provável que depois desse jogo, o Wenger vá atrás de reforços.

Nenhum comentário:

Postar um comentário