14 de set de 2014

Arsenal 2-2 Manchester City: Podia ser melhor

Como foi a nossa janela de transferências, a sensação do jogo de hoje é que poderia ter sido melhor. Foi nosso melhor jogo na Premier League, no jogo mais difícil até o momento, mas mesmo assim não foi o suficiente para sairmos com a vitória.
O jogo marcou a estréia do Welbeck, que por muito pouco não abriu o placar em 11 minutos, mandando a bola na trave após encobrir Hart. Mas o City era um time muito forte no contra-ataque, após um carrinho de Flamini a bola cai na direita pra Navas que avança com muita velocidade e cruza rasteiro para Aguero abrir o placar. Aos 32, Szczesny evita o 2º dos visitantes. O time continuava tentando, mas não agredia a meta de Joe Hart.
No segundo tempo, o Arsenal ensaiava uma blitz, mas pecava, principalmente Özil que mais uma vez jogou na ponta (Wengerzada) e errava muitos passes. Mas a garra e a vontade de Wilshere e Alexis levavam o time, aos 18, Koscielny desarma Silva e passa pra Wilshere, que passa para Alexis e avança, o chileno passa pra Ramsey que na meia-lua, abre na direita pra Wilshere que passa fácil por Clichy e toca por cima de Hart. Golaço e o Arsenal partia em busca da virada, que veio 10 minutos depois, quando num bate-rebate, Wilshere ajeita de cabeça e Alexis Sánchez acerta um lindo chute de primeira, indefensável pra Hart. GOLAÇO. E o terceiro poderia ter saído, após belo passe de Wilshere, Ramsey pega errado de primeira. Aos 33, o lance mais assustador do jogo, após um cabeceio na intermediária, Debuchy pisa de mal jeito e cai sentindo muitas dores no tornozelo, Wenger é obrigado a colocar o Chambers em campo, talvez com o jovem menino frio em campo, o City começou a explorar o lado de Chambers e arrumou um escanteio, na cobrança de Kolarov, Demichelis de cabeça empata. Sendo que na área tinha os 10 jogadores e o Szczesny e o City tinha 4 jogadores na área. E o Flamini estava no segundo poste, o que atrapalhou um pouco a vida do Szczesny. No fim, levamos duas bolas na trave de Kolarov e Dzeko e o Nasri ainda teve um gol anulado. Muitos reclamaram de um pênalti do Wilshere, que na minha opinião não existiu. E o jogo ficou nisso.
  • Welbeck teve uma estréia razoável, talvez o acréscimo dele ao elenco, é que ele é um atacante rápido, algo que Giroud e Sanogo não tem. E o camisa 23 teve uma bola na trave, que foi um pecado ela não ter entrado.
  • Wilshere fez um dos melhores jogos dele com a camisa do Arsenal, dando carrinhos, lutando e dando passes, ainda foi recompensado com um belo gol. Mas pra mim, é um reserva de luxo.
  • Özil mais uma vez deixou a desejar, "tá jogando na posição errada?" Sim, mas ele errou muitos passes hoje. Talvez colocar Cazorla durante a partida seria uma opção melhor.
  • E como joga esse tal de Alexis Sánchez, corre, se esforça, faz gols, dá passes, tem tudo pra ser um dos grandes nomes da Premier League nessa temporada.
  • Hoje Gibbs e Arteta voltaram a ser relacionados após suas lesões e Ospina pela primeira vez foi relacionado.
  • Apesar da imagem forte na hora, Debuchy confirmou que não sofreu fratura, o que deve ter acontecido foi uma torção. Segunda ele será melhor avaliado, mas deve ficar de fora por algumas semanas. Não precisava trazer um zagueiro né Jênio com J (Wenger)?
Walcott esteve no Emirates, com o piloto da Fórmula 1, Lewis Hamilton e os atores Samuel L. Jackson e Alexander Skarsgård. Seu retorno aos gramados deve ser contra o Southampton pela Capital One Cup dia 23 no Emirates.

Terça começa a UCL, jogo no Signal Iduna Park contra o Dortmund, desfalcado de Reus e Hummels, dá pra vencer, mas precisa entrar com a mesma vontade de hoje e ser mais agressivo. Jogo será ás 15h45 com transmissão da Sports+, canal da operadora Sky.

Nenhum comentário:

Postar um comentário