18 de set de 2013

Marseille 1-2 Arsenal: 3 pontos importantes

Nesta quarta feira o Arsenal foi ao Estádio Vélodrome em Marseille na França enfrentar seu primeiro adversário na fase de grupos da UEFA Champions League e não decepcionou. Com gols de Theo Walcott e Aarom Ramsey, o time coleciona a sua décima vitória seguida fora de casa e segue alimentando os sonhos de títulos para essa temporada.

Por si só, foi um jogo muito morno, bem diferente daquela correria que é a premier league. Os times até que começaram bem, foram quatro finalizações só nos primeiros 6 minutos de jogo. Na maioria, bolas lançadas e finalizadas para fora, exceto uma de Walcott que honrou seu stats de velocidade 97 no pro evolution soccer e conseguiu chegar antes dos zagueiros, numa bola enfiada dentro da área e finalizou forte, pena que o goleiro Mandanda estava esperto no lance. Daí a diante foram só passes errados. O time do Marseille parecia confuso em campo, jogando pelas laterais sem criatividade alguma, quando chutava era de fora da área e sem perigo. Faltou aqui, um pouco de vontade do Arsenal que podia ter aproveitado para marcar muitos gols. André Ayew e Gignac resolveram tirar vontade de onde faltava e quase marcam para os donos da casa ainda no primeiro tempo.

Gols mesmo só no segundo tempo, depois de levar uma boa pressão no comecinho da etapa final os Gunners acordaram. Mas antes disso, foi nescessário o gibbs tirar uma bola no limite da linha do gol, rebatida pelo próprio Mertesacker. Só então o time partiu pra cima, Gibbs que fez uma ótimo jogo, apareceu de novo e cruzou na área, o zangueirão resolveu facilitar e saiu trotando a bola de cabeça, um erro imperdoável que Walcott não perdoou. 1x0. O segundo saiu dos pés de Ramsey, que desatou a fazer gols na temporada, o galês saiu costurando um, dois, três zagueiros e bateu no canto do goleiro para fazer Arsenal 2x0.

No finalzinho, o próprio Aarom Ramsey chegou atrasado no lance e ao tentar tirar uma bola na área, acabou cometendo pênalti que foi convertido pelo time da casa. 2x1. J. Ayew batendo com perfeição no canto direito por cima de Szczesny. E ficamos assim:



  • O Arsenal chegou a incrível marca de 10 vitórias consecutivas fora de casa.
  • Ramsey chegou ao seu sexto gol na temporada e ultrapassou Giroud na artilharia do time.
  • A 2 anos atrás, o Arsenal também venceu o Marseille na França, porém foi por 1 a 0, mas advinha quem fez o gol... Aaron Ramsey
  •  Özil teve uma atuação discreta, ainda parece muito desentrosado com o elenco.
  • Bela partida fez Kieran Gibbs. O carequinha tava em todas no jogo de hoje.
  •  Já é o segundo jogo seguido que cometemos pênalti bobo. É sempre bom lembrar que o time precisa ter calma em certos momentos do jogo.
  • Nossa Próxima partida pelo grupo F da UCL é contra o Napoli no Emirates Stadium, enquanto os franceses vão a Dortmund enfrentar o atual vice-campeão. 
  • Ramsey terá um belo desafio domingo, marcar gol no Stoke de Ryan Shawcross, zagueiro que fraturou a perna do galês.

Pois bem, como bom torcedor dos Gunners, diria eu que mais vale três pontos na mão do que se amostrar dentro de campo. Nesse ponto de vista o time foi bem e cumpriu seu objetivo. Agora voltando a minha eventual chatice de finais de post’s, devo alfinetar a falta de vontade do 1º tempo. O Arsenal tem um time bom, entrosado e que realmente pode lutar por alguma coisa esse ano, basta ser constante e não amolecer como fez hoje. Times como Manchester United e Barcelona não costumam perdoar em momentos assim. Finalmente, só lembrar que o próximo desafio é dentro de casa contra o Stoke City dia 22 pela Barclays Premier League. Vamos focar nesse jogo que, dependendo da partida de Liverpool, pode nos dar a liderança do campeonato. Até lá pessoal.

Um comentário: